terça-feira, 8 de setembro de 2009

SP - Mais sobre a revalidação de diplomas

No último dia 20 de agosto a Frente Parlamentar de Solidariedade a Cuba com o apoio do Movimento Paulista de Solidariedade a Cuba (MPSC) e da Associação dos Familiares e Amigos dos Estudantes Brasileiros em Cuba (AFAC), promoveu uma audiência pública para discutir a revalidação dos diplomas dos médicos brasileiros formados em Cuba na Assembléia Legislativa de São Paulo. Mais de 200 pessoas, representantes de várias entidades e movimentos sociais, lotaram o auditório Franco Montoro da Assembléia.
Compuseram a mesa: o Deputado Estadual Raul Marcelo como coordenador, os Deputados Estaduais Vicente Cândido e José Cândido, ambos do PT, Frei David pela Educafro, Douglas Belchior pela Uneafro, Marcelo Chaves pela AFAC, Cléber Firmino representando os médicos formados em Cuba, Maria do Carmo Carpintéro, presidente do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde (CONSEMS) e Jorge Carlos Machado Curi, presidente da Associação Paulista de Medicina.
O destaque ficou por conta da ausência da Ana Estela Hadad, representante do Ministério da Saúde e coordenadora do grupo de trabalho interministerial, criado para debater e encaminhar soluções institucionais para essa questão da revalidação. Ana Hadad havia confirmado a sua presença e era aguardada com muita expectativa, devido à sua condição privilegiada como interlocutora do Executivo que articula os setores envolvidos na questão (Universidades, Legislativo Federal, médicos, entre outros). Ela detém, portanto, informações cruciais e que seriam de grande valia para a audiência.

Mais informações: http://www.solidariedadeacuba.org.br/afac/relato-audiencia-publica-em-sao-paulo-sobre-revalidacao-dos-diplomasspdiplomas

Nenhum comentário:

Postar um comentário